Nasce e segue

Submitted by gfraenkel on Fri, 11/05/2018 - 12:35
Nasce no horizonte aquecendo almas Aquiesce a vida que desperta bulhenta Novo dia surge a olhos vistos Mãos produzem o pão Pés levantam a poeira na estrada de terra As ondas arrebentam ao longe No alto as nuvens dançam no ritmo do vento O poeta observa Crianças brincam O mundo muda Ao final do dia nada mais será o mesmo (Guilherme Fraenkel)